Portal Espigão
Informação a Serviço da População

OPERAÇÃO CARONTE – Indícios de que ex-servidora da SEFIN exigia 20% para agilizar pagamentos de créditos legítimos

0
Publicidade

O Ministério Público do Estado de Rondônia deflagrou na manhã desta terça-feira, 15 de agosto, a Operação Caronte, como resultado de investigação conduzida pelo Centro de Atividades Extrajudiciais e o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (CAEX/GAECO) em parceria com a 5ª Promotoria de Justiça, oportunidade em que foram cumpridas ordens de busca e apreensão, quebra de sigilo bancário e de indisponibilidade de bens, expedidas pelo Poder Judiciário do Estado de Rondônia.

Nas apurações realizadas foram encontrados indícios de que uma ex-servidora da Secretaria de Estado de Finanças exigia vantagem indevida de servidores públicos, no importe de 20% (vinte por cento), para agilizar o pagamento de créditos legítimos, decorrentes da conversão da licença prêmio em pecúnia.

O nome da operação faz referência ao barqueiro da mitologia grega responsável por conduzir as almas sobre as águas dos rios que separavam os mundos dos vivos e dos mortos. Porém, Caronte só transportava as almas daqueles que pagassem pela travessia. Já aqueles que não podiam pagar a quantia, ficavam vagando pelo mundo dos vivos.

Publicidade
Comments
Carregando comentários...